Recuperação de Crédito Extrajudicial: respeitosa, ágil e fomentadora relações comerciais sustentáveis. Venha conhecer alguns dos nossos cases.

  • Ester dos Santos Faria - 01 fevereiro, 2021 - Artigos

Você conhece a distinção entre cobrança e recuperação de crédito? É bastante comum as pessoas tratarem a cobrança e a recuperação de crédito como expressões sinônimas, embora não seja verdade.

Por definição, a cobrança é o ato de reivindicar o cumprimento de uma obrigação ou de uma promessa, ou seja, fazer com que o outro lembre de honrar com os compromissos assumidos.

Assim, a mera cobrança não visa corrigir os gatilhos que causaram a inadimplência ou manter a saúde da relação comercial que originou a dívida. O objetivo da cobrança é tão somente a quitação dos valores em atraso, sem observar qualquer método de recuperação ou estratégia de negociação.

De outro lado, a recuperação de crédito tem como objetivo principal corrigir a inadimplência e fomentar negócios sustentáveis para todas as partes. O processo de recuperação de crédito além de focar em soluções eficientes de negociação, busca a manutenção do bom relacionamento entre as partes envolvidas e a geração de novos negócios.

Em um cenário econômico retraído, conservar boas parcerias comerciais e, ao mesmo tempo, manter sob controle o ‘contas a receber’ é essencial para manter a saúde financeira empresarial e equilibrar o fluxo de caixa.

Se você quer estabelecer um bom fluxo de recuperação de créditos, segue abaixo um check list com as principais etapas do processo e pontos de atenção em cada um deles:

 

  1. Estruturação do processo de Cobrança

Nesta fase é realizada uma detida análise da carteira de inadimplência do cliente com a finalidade de identificar os gaps causadores da inadimplência ou facilitadores dos atrasos nos pagamentos.

De forma personalizada, são definidas as estratégias para correção dos gaps e implementação do novo fluxo corrigido. Normalmente o fluxo é acompanhado desde o momento do aceite da ordem de compra ou assinatura do contrato até o efetivo pagamento da Nota Fiscal.

Para otimização das tarefas, sugerimos a criação de um banco de minutas para elaboração ágil (porém customizada) de e-mails, notificações e comunicados.

 

  1. Localização e Contato com o Devedor

Localizar devedores antigos não é uma tarefa fácil! Em muitos casos os contatos estão desatualizados e o devedor não possui mais relacionamento com o credor.

Assim, após a definição do planejamento de cobrança, inicia-se as tentativas de localização dos devedores. Com o auxílio de ferramentas específicas de buscas é possível agilizar este processo e dar início as tratativas de negociação.

Uma prática do CHENUT é observar processos judiciais em curso nas quais o devedor figure como Réu para identificarmos endereços nos quais o mesmo foi localizado, o retorno dos oficiais de justiça quanto à localização de bens e outras informações relevantes referentes ao comportamento comercial do devedor e a sua situação financeira.

A abordagem do devedor também exige cuidado para não gerar ruídos e prejudicar as chances de recebimento no âmbito extrajudicial. Contar com habilidades específicas de negociação permite criar um ambiente de segurança e respeito entre os envolvidos, preservando o relacionamento e garantindo a resolução definitiva do conflito.

 

  1. Formalização da Negociação

Definidos os termos do acordo, as condições são transcritas para um documento formal, a fim de conferir segurança jurídica ao processo de recuperação de crédito.

Uma assessoria jurídica especializada e treinada em negociação e contratos possibilitará a elaboração de um termo de acordo completo e embasado na legislação brasileira atualizada.

 

  1. Por que contar com o apoio jurídico na Recuperação de Crédito Extrajudicial?

A recuperação de crédito extrajudicial é cada vez mais reconhecida por ser um meio seguro, ágil e menos oneroso para o recebimento de passivos de créditos ou ativos.

Neste momento, contar com o know-how de uma assessoria jurídica especializada na criação de processos de negociação consistentes, estruturados e customizados permite uma abordagem mais assertiva e eficiente.

Além da expertise em aspectos estratégicos e negociais, um advogado especialista cuidará das questões processuais atreladas a negociação, focando na elaboração de documentos que gerem segurança jurídica ao credor, no gerenciamento de indicações de riscos como: fraudes, desvios, blindagens patrimoniais e principalmente no aumento da liquidez da carteira terceirizada.

Por fim, o apoio de uma assessoria jurídica permitirá que a empresa credora foque em atividades relacionadas ao crescimento do próprio negócio.

 

O Chenut Oliveira Santiago possui vasta atuação no segmento de Recuperação de Crédito e soluções eficientes para alavancar o recebimento extrajudicial de créditos. Entre em contato pelo email rec.credito@chenut.online para conhecer alguns dos nossos cases.



Voltar à página anterior

Cadastre-se em nossa Newsletter